PFMO “OSAN POVU NIAN, JERE HO DI’AK” realiza formação “e-Government e Acesso à Informação” para jornalistas e Sociedade Civil

PFMO “OSAN POVU NIAN, JERE HO DI’AK” realiza formação “e-Government e Acesso à Informação” para jornalistas e Sociedade Civil

O projeto PFMO-C2 “OSAN POVU NIAN, JERE HO DI’AK” realiza entre os dias 17 e 28 de maio a formação de “e-Government e Acesso à Informação”, que será ministrada em regime de e-learning com sessões síncronas e assíncronas através da plataforma Microsoft Teams.

O projeto PFMO-Componente 2 é cofinanciado pela União Europeia (UE) e cofinanciado e gerido pelo Camões, I.P.

Com esta formação pretende-se promover a transparência no acesso aos dados públicos, através do estabelecimento de políticas de e-Government (governo eletrónico) e Open Government (governo aberto) na disponibilização de documentação e informação do Estado aos jornalistas e aos cidadãos. No final da ação, os participantes deverão ser capazes de: definir o que é o eGovernment/Governo Eletrónico e identificar em que áreas se move; compreender a necessidade do eGovernment nas sociedades atuais; conseguir distinguir entre eGovernment e eGovernance; identificar as diferentes dimensões do eGovernment; compreender a importância das políticas de abertura de dados por parte dos órgãos do Governo e Administração Pública, como uma garantia de transparência em sistemas democráticos e analisar de forma crítica iniciativas de eGovernment, OpenGovernment e Open Data.

Esta formação conta com um total de 30 horas divididas entre 20 horas em sessões síncronas e 10 horas em sessões assíncronas e trabalho autónomo, com tutoria da formadora, tem a participação de cerca de duas dezenas de participantes que são membros da comunicação social do Governo, jornalistas do setor público e privado, rádio e a Sociedade Civil e realiza-se com o apoio do CENJOR (Centro Protocolar de Formação Profissional para Jornalistas).

A formação inclui os seguintes temas: (a) Porquê o eGovernment – importância do governo eletrónico na atualidade; b) Diferença entre eGovernment e eGovernance; c) Porque é importante o Open Government e qual a sua relação com a abertura de dados (Open Data); d) O que são dados abertos e qual a sua importância para a transparência e o trabalho jornalístico em países de fundação democrática.

Ana Pinto Martinho e António Bob Santos são os formadores deste Ateliê.

A Ana Pinto Martinho, editora do site do European Journalism Observatory, é jornalista há quase duas décadas e tem como áreas de especialização as tecnologias de informação e comunicação, o eGovernment e o Open Data. O António Bob Santos é especialista em Políticas de Inovação e em Inovação Aberta e integrou o Conselho de Administração da ANI – Agência Nacional de Inovação, entre 2018 e 2021. Desde 2001 que colabora com várias estruturas governamentais na área da Política de Inovação, tendo integrado as equipas de conceção, gestão e monitorização do PROINOV (Programa Integrado de Apoio à Inovação), do Plano Tecnológico, da Agenda Digital, da Estratégia de Lisboa, do Plano Nacional de Reformas e do Programa Nacional para o Empreendedorismo e Inovação.

A iniciativa em objeto é uma das atividades temáticas previstas no âmbito da parceria entre o CENJOR e o PFMO-C2 para o fortalecimento dos profissionais de comunicação social em Timor-Leste, num programa de colaboração iniciado em novembro de 2019 com continuação em 2021 e 2022.

Galeria